5/12/2016

TEMER O TEMER

Temer é um ato de coragem                            
Ou de aproveitar a vantagem
De estar certo no lugar certo
Nunca perder a louca viagem
E regozijar-se com um sorriso
Aviso aos navegantes sem mar
Não estou aqui para fazer pão
Quero mudar essa engrenagem
Que jaz inconsciente a soluçar
Temer o temer sem um temor
É um salto elegante no vazio
Onde criaturas se escondem
Apunhalam as costas por trás
E murmuram hinos de vitória
Sem história pura e sem paz

mongiardimsaraiva


Nenhum comentário:

Postar um comentário